Impotência - Quando a erecção não aparece mas com Potencialex tudo muda!

Para cerca de 98% de todos os homens de 50-60 anos, a sexualidade significa o "tempero da vida". Entre os homens entre os 70 e 80 anos de idade, pouco menos de 70% ainda pensam que a sexualidade é muito importante. Assim, a potência também desempenha um papel fundamental entre os grupos etários mais velhos. Por esta razão, não há praticamente nenhum outro tópico que a auto-confiança dos homens tanto como a disfunção eréctil. Se os problemas de potência ocorrem repetidamente, chama-se disfunção eréctil (disfunção eréctil). Só na Alemanha, até 6 milhões de homens sofrem de disfunção eréctil. Os homens com mais de 40 anos são cada vez mais afectados.

Já a partir dos 20 anos de idade, mas o mais tardar quando o crescimento estiver completo, começa o processo de envelhecimento. De um ponto de vista urológico, homens com idades compreendidas entre os 30 e os 40 anos. Nesta idade, as primeiras perturbações de potência também podem começar. Na geração com mais de 50 anos, cerca de um em cada dois ou terceiro homem é afectado pela diminuição da potência. As erecções diminuem e o pénis já não é tão rígido como costumava ser. Além disso, a ejaculação pode ser repetida menos vezes, uma vez que o tecido eréctil já não engrossa tão facilmente. Muitas vezes requer ajudas adicionais, tais como comprimidos de potência natural ou uma estimulação mais forte, mais intensa e mais prolongada para obter uma erecção completa.

Devido a toda a pressão e stress por que passamos muitos homens são afectados por este problema, mas Potencialex é a solução mais eficaz devido aos seus excelentes componentes: Potencialex Comprar.

Definição - O que é a impotência?

A impotência, também disfunção eréctil ou disfunção eréctil, refere-se à incapacidade de obter uma erecção ou de a manter durante um período de tempo mais longo. Não existe uma opinião unânime sobre quando se pode falar de impotência ou disfunção eréctil no sentido médico. Segundo o Dr. Oliver Gralla, este só é o caso após mais de dois meses sem relações sexuais satisfatórias. Outros médicos são da opinião que uma disfunção eréctil permanente pode ser diagnosticada após seis meses, no mínimo. E apenas se, na maioria das tentativas, o pénis não ficar duro ou se tornar prematuramente flácido. Se acontecer apenas de vez em quando que o pénis é flácido ou não se torna rígido adequadamente, isto ainda não é impotência.

Métodos de Tratamento Não-Invasivos

Mudança de estilo de vida

Mesmo antes do início da disfunção eréctil, os homens devem pensar em mudar os seus hábitos de vida. Se isto for iniciado demasiado tarde, só se pode esperar uma melhoria dos sintomas em 30 por cento de todos os casos. de todos os casos, só se pode esperar uma melhoria dos sintomas. Contudo, recomenda-se uma mudança no estilo de vida a todos os pacientes com disfunção eréctil, uma vez que aumenta a eficácia da medicação e o prognóstico das doenças do sistema cardiovascular é assim melhorado.

Terapia da deficiência de testosterona (hipogonadismo senil)

Em caso de disfunção eréctil, a terapia da deficiência de testosterona (hipogonadismo etário) também pode ser executada através da administração adicional de testosterona sob a forma de gel, Deo ou injecções intramusculares podem ajudar.

Métodos de tratamento de medicamentos

A terapia medicamentosa com inibidores de PDE 5 simplificou grandemente o tratamento da disfunção eréctil. As taxas de sucesso são de 70 a 75 por cento (tentativas de coito completadas com sucesso). Aqui, sildenafil, vardenafil e tadalafil estão entre as preparações possíveis.

Terapia de Vácuo

Na terapia de vácuo, um cilindro de plástico é colocado sobre o pénis e selado. Ao criar um vácuo com a ajuda de uma bomba manual, o tecido eréctil é preenchido com a erecção do pénis enchendo passivamente o corpus cavernosum com sangue.

Um dos melhores métodos é adicionar Potencialex à dieta diária, sem causar efeitos secundários: Potencialex Original